segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

9º Encontro - Comentando um Resultado.


Em artigo anterior ( http://www.citltda.com/2009/01/o-10-encontro.html ) eu propus à CIT, e foi aceito, o lançamento de uma enquete para as pessoas que quisessem avaliar o 9º Encontro de Papacaceiros. Hoje temos o resultado exposto na imagem ao lado. Ele não requer uma análise detalhada pois os resultados obtidos não são nada diferentes das análises mais qualitativas feitas, aqui por nossos colegas, e em outros lugares. Aproximadamente 66% acham que a festa foi boa e ótima, sem ninguém chegar a votar no nível de excelência. Dos restantes, 23% gostaram menos e apenas 9% consideraram-na um péssima festa.
Achei baixo o número de votantes. Talvez não achassem este fato importante ou, simplesmente, hipótese mais provável, não sabiam como avaliar a festa com um conceito único. Já citei o caso do elefante ao ser avaliado por três homens cegos. Dependendo do que cada um responda, é muito difícil se compor o elefante inteiro com fidedignidade. Mas, valeu a tentativa e o resultado. Se, mesmo com estas restrições queira-se usá-lo para alguma ação posterior, não há como fugir, da idéia defendida por mim e por alguns outros de entregar o próximo encontro ao José Quirino Filho.
Não sabemos se houve ou não consequências práticas da reunião feita logo após o encontro, e comentada por mim. Espero que não, a não ser o de ter despertado o José Quirino para o aumento de sua responsabilidade no próximo encontro. A idéia do nosso colega, Cleómenes Oliveira, de fazer eleições no próximo ano, para o 11º Encontro, me parece importante e viável.
Só uma coisa ainda me intriga nisto tudo e penso que deveria ser esclarecida. O poder público participou ou não da reunião acima? Primeiro O Andarilho nos diz: Não sei quem fez a pauta da reunião. Mas, como se trata de algo sério, além de envolver o poder público, sugira que vai retirar o item que se refere ao noivo da Ana Luna ou peça para que fique melhor esclarecido e complemente. Depois vem Bia Ferro (não a conheci Bia, mas penso que você é a moça que está, talvez, no centro da reunião e assim posso lhe chamar de Bia, pois minha idade permite esta ousadia) e diz: Acho que está havendo um mal entendido, em relação a reunião que houve, primeiro o poder Público não tem nada com isso, e a reunião poderia ter sido até na Praça, com a intenção de um bate papo, ninguém foi avisado pessoalmente, foi um convide feito pelo carro de som, para que pudesse ter a participação de todos, e também a do organizador do evento. E mais recentemente, o Sr. Pedro Ramos, depois de uma romaria ao Juazeiro onde já fui uma vez há muito tempo, e ainda recomendo, diz, referindo-se a artigo escrito por Etiene Miranda, no saite de Bom Conselho: Acabei de visitar a ACADEMIA e lá vi sua excelente matéria sobre o 9ºENCONTRO DOS PAPACACEIROS. Achei muito importante porque foi um testemunho de tudo que comentamos na reunião promovida pela secretária de Cultura da prefeitura de Bom Conselho BIA FERRO, onde fiz comentário de alguma falha que você descreveu com muita clareza e com isso prova o que eu disse e que não foi só eu que percebi a desorganização, a ponto de receber recados que eu teria que provar o que todos perceberam.
Pergunto outra vez: o poder público participou ou não participou da reunião? Alguns poderão pensar que isto não tem nenhuma importância, que só uma velha coroca como eu poderia se importar com isto. A estes eu diria, se tivesse em dias bons e tranquilos, que é de grande importância. Ora, se o poder público participou, já reconheceu o evento oficialmente, como muitos querem, e melhor, já participa de sua organização. Cobraremos o próximo encontro da prefeita Judith Alapenha, que é responsável pelos atos de sua secretária de Cultura. Se não participou, ela, a prefeita, tem a ver com o encontro de outra forma. Cuidando para que, mesmo sendo um evento de natureza privada, ela possa colocar o poder público para ajudar no evento naquilo que é sua obrigação pela Lei Orgânica do Município. Poderá ser cobrada ainda, mas de uma forma totalmente diferente.
Eu, pessoalmente, torço para que não tenha havido nenhuma participação do poder público, e se houve, já se tenha reconhecido o engano disto. Primeiro, porque a principal pessoa que deveria estar presente (o José Quirino), não estava, segundo, tenho certeza, o poder público de Bom Conselho, e aqui eu incluo outros poderes, tem muito mais o que fazer do que organizar encontros de papacaceiros, por melhores que eles sejam. No entanto, só quem pode esclarecer isto tudo são as pessoas que compõem o poder público.
Bem, o resultado da enquete está aí. Espero ter colaborado com a nossa terra e com o próximo encontro, que farei tudo para estar presente.

Saudações Cordiais
Lucinha Peixoto (lucinhapeixoto@citltda.com)

Nenhum comentário: