terça-feira, 7 de julho de 2009

CACONDE



Fomos passear nesse final de semana passado.
Interior de São Paulo. Como é bom sair da cidade, ver as paisagens maravilhosas, respirar ar puro. De alguma forma aquelas pessoas são mais felizes do que as que moram em grandes centros urbanos.
Há algo diferente.
Um quê de magia, de mansidão, de paz. Não sei precisar exatamente onde e nem porque. Será aquela imensidão de árvores e plantas?
Será o café coado como as nossas avós faziam? Ou o pão feito em casa, pelas mãos carinhosas da minha amiga? Ou aquele sotaque gostoso da fazenda, meu amigo cuidando das plantas ou preparando o churrasco caprichado? Os amigos deles foram chegando e em pouco tempo, já eram nossos também!!
Coisas do interior...... gente boa, hospitaleira! Lembrei da minha gente pernambucana assim também.
CACONDE dista 294 kms de São Paulo!
Uma população de menos de 20 mil habitantes e muita organização.
Fomos passear pela cidade.
Há muito para se ver e admirar.
O MIRANTE ,como o próprio nome diz , é um lugar esotérico, com o formato de um trevo de quatro folhas que recebe os visitantes mostrando a sorte. Nesse espaço há vários símbolos: pirâmide, estrela de seis pontas, a cruz de malta e outros.
É uma área de relaxamento, meditação
e energização que nos faz sentir muito mais próximos de Deus.
Momento único para sentir, olhar a paisagem exuberante e agradecer.
De novo. Não consegui evitar.
Não pude deixar de pensar na Serra de Santa Terezinha, em Bom Conselho, Pernambuco, terra dos meus pais e minha por adoção, com o coração.
Por um momento visualizei a nossa serra assim bem cuidada, recebendo turistas, se mostrando para os visitantes e mostrando também sua paisagem magnífica!!
Caconde sabe explorar suas riquezas e sua gente! No calendário de eventos há para todos os gostos:
Jogos de verão, Carnaval com espaço público para os jovens e um
coreto com músicas para os mais velhos.......maduros, melhor. Encontro dos motociclistas, Festival de inverno, Fest Viola, Festa do peão de Boiadeiro, Jogos da natureza, Comemoração do aniversário de Caconde. Tudo isso e mais as cascatas, vales, rios trilhas, cavalgadas, matas que oferecem um cenário de rara beleza, são explorados para a diversão e crescimento da cidade. Caconde.
Mas além do carinho, do aconchego dos amigos , algo me impressionou demais. Uma pequena igreja, quase uma capela. Igreja da Trindade.
Um diferencial: nunca fecha. A chave fica na fechadura, pelo lado de fora. A qualquer momento, a qualquer hora, você pode ir à casa de Deus, abrir a porta, entrar e rezar.
Ou ficar quieto, ou ler a bíblia, enfim....
Ao sair, feche a porta, por favor.
Para mim foi um detalhe que explicou o tudo.
Não sei quando e nem quem pensou nisso. Mas fez a diferença. Ela está lá, com a chave do lado de fora.
Entendi tudo. É por isso que a cidade
tem esse quê que eu não sabia.
Ela está de portas abertas.
Essa magia que faz o cheirinho do café lembrar de momentos bons, o falar manso, a música caipira, o braço amigo do amigo para sempre.
Abrir portas. Eis a lição.
Os mais lindos momentos estão nas pequenas coisas, nos pequenos gestos que tornam-se eternos.

boa semana bjussssssss

Ana Luna - anammluna@yahoo.com.br
-----------------------
(*) Fotos de Caconde, da Internet.

Nenhum comentário: