terça-feira, 19 de outubro de 2010

MANIFESTO DE ARTISTAS E INTELECTUAIS



Ontem vimos pela primeira vez um manifesto de artista e intelectuais dando apoio a Dilma Roussef. Ele é liderado entre outros pelo Chico Buarque e o Emir Sader. Antes eu não achava mas, depois do Chico se apresentar para liderar este movimento, eu vi que era verdade o que diziam dele: “Chico é um ótimo letrista de MPB, um romancista medíocre e um idiota político.” Quanto ao Emir Sader, se Marx fosse vivo e lesse alguma coisa dele, pararia de escrever, pois, igual a Santos Dumont, entraria em depressão quando visse em que mãos caíram seu invento. Mas, fomos ler. Concordei com tudo menos com a candidata. Como todo o resto me parece sensato, pois lugar comum sempre é sensato, e sei que o José Serra tem mais condições de realizá-lo, apenas mudei o nome do candidato. Até agora só conseguimos duas assinaturas, mas o manifesto está aberto para ser assinado por aqueles que consideram a Dilma um grande perigo, e portanto são pessoas, além de artistas e intelectuais, sensatas. Este manifesto será entregue ao próprio candidato, se ele ainda tiver tempo de vir a Pernambuco. Assine. Seja sensato, pois artista e intelectual já nascemos sendo.

MANIFESTO DE ARTISTAS, INTELECTUAIS E PESSOAS SENSATAS

Nós, que no primeiro turno votamos em distintos candidatos e em diferentes partidos, nos unimos para apoiar José Serra. Fazemos isso por sentir que é nosso dever somar forças para garantir os avanços alcançados. Para prosseguirmos juntos na construção de um país capaz de um crescimento econômico que signifique desenvolvimento para todos, que preserve os bens e serviços da natureza, um país socialmente justo, que continue acelerando a inclusão social, que consolide, soberano, sua nova posição no cenário internacional.

Um país que priorize a educação, a cultura, a sustentabilidade, a erradicação da miséria e da desigualdade social. Um país que preserve sua dignidade reconquistada. Entendemos que essas são condições essenciais para que seja possível atender às necessidades básicas do povo, fortalecer a cidadania, assegurar a cada brasileiro seus direitos fundamentais. Entendemos que é essencial seguir reconstruindo o Estado, para garantir o desenvolvimento sustentável, com justiça social e projeção de uma política externa soberana e solidária. Entendemos que, muito mais que uma candidatura, o que está em jogo é o que foi conquistado. Por tudo isso, declaramos, em conjunto, o apoio a José Serra. É hora de unir nossas forças no segundo turno para garantir as conquistas e continuarmos na direção de uma sociedade justa, solidária e soberana.


Lucinha Peixoto – lucinhapeixoto@citltda.com
Zezinho de Caetés – jad67@citltda.com

Um comentário:

birapcbira disse...

Acho que o povo não deveria seguir opinião de artitas povo é povo artista é artista,formadores de opiniaõ quase sempre distorcidas,povo como já disse é povo,vive numa camada social bem distinta,nada a ver com artistas!